aluguel de veículos

Manutenção feita por especialistas garante economia com frota

A relação do brasileiro com carros pode ser bastante contraditória. Somo um povo conhecido pela paixão por veículos, mas, ao mesmo tempo, não costumamos cuidar adequadamente deles.

E isso não é apenas uma impressão: segundo levantamentos anuais da Polícia Rodoviária Federal, a falta de manutenção figura entre as cinco principais causas de acidentes graves em rodovias federais no Brasil.

Os motivos dessa negligência podem ser vários: falta de dinheiro, falta de informação e conhecimento ou simplesmente a boa e velha cultura do “jeitinho”, ou seja: é melhor fazer a manutenção de qualquer forma do que buscar serviços adequados.

Gaste agora para economizar depois

E isso também vale para empresas. São muitos gestores que ainda atuam com a mentalidade de economizar com a manutenção de suas frotas, como se fosse algo supérfluo.

Neste artigo, vamos mostrar por que, afinal, fazer a manutenção correta é importante e pode ajudar inclusive a economizar com o veículo. A máxima de que “o barato sai caro” neste caso é bastante verdadeira.

Respeite o manual

Em primeiro lugar, é preciso saber o que o fabricante do veículo indica para ele em termos de manutenção. E isso está no manual. Ele aponta a quilometragem ideal para a revisão e troca de itens e não pode ser subestimado.

Fique tranquilo, as montadoras não estão tentando te enganar ou arrancar seu dinheiro sem necessidade – um pensamento que também, infelizmente, ainda é bastante comum.

A indicação das montadoras é como um guia para garantir a segurança e o bom funcionamento dos veículos. Não é à toa que fazer as revisões seguindo o manual mantém a garantia do veículo em dia.

Invista em quem conhece

Depois do fabricante, um outro aliado importante na manutenção do veículo é o mecânico. Contar com alguém de confiança, com experiência no mercado, pode garantir uma rodagem sem sustos por longos períodos.

Aqui, de novo, entra a questão econômica. Você pode estar pensando que uma mecânica especializada custa caro, e que é melhor procurar profissionais que cobram menos.

Consequências

A escolha é sua. Mas isso pode trazer consequências. Vamos a um exemplo prático utilizando um item essencial para a segurança do veículo: o amortecedor. De modo geral, sua troca é recomendada a cada 40 mil km rodados.

Mas se o veículo é utilizado essencialmente em rodovias com boas condições de pavimento, esse período pode ser prolongado. E isso é algo que um mecânico de confiança vai poder dizer. Ou seja: um especialista que conhece você e o veículo vai evitar gastos desnecessários.

Outro exemplo que ilustra o “outro lado” dessa moeda: vamos supor que você tenha um veículo em sua frota que é utilizado para rondas de segurança em condomínios. É um tipo de uso que exige muito dos freios. O que faz com que a revisão desse item seja realizada antes do período recomendado pela montadora.

Algo que, também, um profissional de confiança pode indicar. E acredite: fazer a manutenção em peças apenas desgastadas é bem mais barato do que trocar kits inteiros depois que eles ficam totalmente invalidados.

Conheça a Let’s

A Let’s é uma empresa especializada na terceirização de frotas de veículos leves e aluguel de pesados, como caminhões, implementos, máquinas e equipamentos.

Uma das vantagens do nosso modelo é o acompanhamento constante para a manutenção adequada da frota, evitando perdas e, na ponta do processo, aumentando a produtividade da sua empresa.

Entre em contato para saber mais.

Tags:

, , , , , , ,

Você também pode gostar